Por que aplicar a Internet das Coisas na sua empresa?

Por que aplicar a Internet das Coisas na sua empresa?
by

A cada dia que passa, mais objetos e equipamentos estão trocando informações entre si, da geladeira da sua casa ao poste de iluminação pública nas cidades. A tecnologia por trás disso é chamada de Internet das Coisas – Internet of Things, ou mais conhecida como “IoT”, a sua sigla em inglês, e também considerada uma das maiores e talvez mais inesperadas consequências da aceleração exponencial. Mas afinal, o que é essa tão temida IoT? Existem inúmeras denominações, porém na minha definição eu diria que são objetos da vida cotidiana conectados à internet, agindo de modo inteligente e sensorial, um conceito tecnológico que consiste da fusão do mundo real com o mundo digital, fazendo com que o indivíduo possa estar em constante comunicação e interação.

A palavra IoT tem sido utilizada em diversas previsões de futuro como algo que vai revolucionar a experiência humana nas mais diversas áreas, seja na agricultura, medicina, produção industrial, logística, bens de consumo, em cidades e tantos outros setores.

A motivação ao aplicar a Internet das Coisas (IoT) nas pequenas e médias empresas (PMEs) está na possibilidade da melhoria da oferta de serviço, otimização dos processos de automação e consequente melhoria do produto final. Além da melhoria de serviços já existentes, a interligação de diversos tipos de dispositivos a internet permite a extração de dados e informações que permitem a criação de novos modelos de negócio e serviços ao consumidor final.

A Internet das Coisas é então definida não apenas como uma ferramenta que conecta uma série de dispositivos a internet, mas sim como um conjunto de instrumentos digitais que estabelece novos meios de conexão a diferentes tipos de objetos. Assim, o mundo físico se conecta à internet através de objetos conectados baseados em sensores e atuadores, e, a partir da IoT, torna-se possível criar novas funções para os objetos. Em conjunto com ferramentas de processamento de dados, a IoT também fornece plataformas de acompanhamento e análise das informações coletadas.

Como consequência da conexão ao mundo real, os chamados produtos inteligentes e conectados tornam-se uma tendência no mercado, seja para os consumidores ou para as empresas que os projetam o processo de transformação de um produto comum para o chamado produto inteligente e conectado.


Recommended Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *